Blog

  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
  • Pinterest - Grey Circle

Loja

  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
PARCEIROS

CANDIDATO A MELHOR BLOG

VEGETARIANO/VEGAN 2016

© 2015 by Just Natural Please. All rights reserved. 

BLOG

  • Just Natural Please

Noodles de Curgete com Espinafres e Molho de Húmus

Depois de um fim de semana festivo, com mais doces e guloseimas do que o planeado (doces saudáveis, mas não deixam de ser doces...), agora é tempo de repor o equilíbrio.

A receita de hoje é perfeita para isso! É muito pouco calórica mas altamente densa em micronutrientes, fibra e proteína. E graças a uma pequena batota com os noodles de curgete, torna-se muito saciante e reconfortante mesmo sendo baixa em calorias.

Mesmo o que eu estava a precisar!

A lista de ingredientes é simples, como sempre, e cheia de frescura e cor. Em vez do tomate cereja podem utilizar tomate normal. Os espinafres podem ser substituídos por outras verduras e podem sempre enriquecer o vosso prato com outros ingredientes, como cogumelos por exemplo. ​

E esta é a minha parte preferida: espiralizar a curgete! Se ainda não conhecem o espiralizador, aqui está ele: uma maquineta que permite transformar vários vegetais (como curgete, cenoura, batata, abóbora, pepino, etc) em espirais que parecem mesmo noodles ou esparguete! É uma maneira fantástica de aumentarem o vosso consumo de vegetais e preparar pratos deliciosos e muito saudáveis. O meu comprei-o online por cerca de 25 €, mas penso que já chegou a algumas lojas de utensílios para casa. ​

Mas se não tiverem espiralizador, não se preocupem! Podem sempre fazer os noodles de curgete com um descascador em juliana. 

E em vez da curgete, podem também preparar este prato com verdadeiros noodles ou mesmo esparguete ou outro tipo de massa, de preferência integral (fica tãooo bom...).

Haverá algo melhor que comfort food saudável? ​

Noodles de Curgete com Espinafres e Molho de Húmus

Serve: 2 doses Tempo de Preparação: 15 minutos  Dificuldade: Fácil Custo: 1,80 €   Informação Nutricional (por dose): 258 Kcal, 12,6 g proteína, 36,4 g hidratos de carbono, 4,0 g lípidos 

Ingredientes: 1 curgete grande (500 g) 1 chávena bem cheia de Grão cozido (200 g), reservar alguns para decorar 2 mãos cheias de Espinafres (60 g) 10-12 Tomates Cereja (150 g), divididos 1 Cebola pequena 65 g) 3 dentes de Alho 1/4 chávena de Leite Vegetal (60 ml, utilizei leite de aveia) Sumo de 1/2 Limão 1+1/2 colher de chá de Cuminhos ou Garam Massala Flor de Sal e Pimenta Preta a gosto (opcional) Folhas de Hortelã Fresca, para decorar (opcional)

Método de Preparação: ​1. Descascar a curgete e espiralizá-la utilizando um espiralizador de vegetais. Alternativamente, utilizar um descascador em juliana para laminar a curgete. Transferir as espirais para um passador para deixar escorrer qualquer excesso de água enquanto se prepara o resto do prato. 2. Colocar o grão cozido e escorrido no processador juntamente com 1 dente de alho, o sumo de limão, os cuminhos ou garam massala e o leite vegetal. Processar até formar um puré homogéneo. Reservar. 3. Picar a cebola e os restantes dentes de alho. Colocar a cebola numa frigideira anti-aderente com 1-2 colheres de sopa de água (ou caldo de vegetais ou azeite). Deixar cozinhar até ficar translúcida (3-4 minutos), mexendo frequentemente e adicionando mais líquido sempre que necessário. 4. Adicionar o alho picado e continuar a cozinhar por mais 2-3 minutos. 5. Adicionar os espinafres e cerca de metade dos tomates cereja (opcional, podem servir todos crús. Eu gosto de ter alguns tomates explosivos no prato...) e deixar cozinhar até o espinafre ficar tenro. 6. Adicionar o molho de húmus e mexer para combinar. Deixar cozinhar em lume baixo, mexendo frequentemente, para reduzir um pouco (cerca de 5 minutos). 7. Retirar a frigideira do lume e adicionar os noodles de curgete. Mexer para incorporar no molho. Servir de imediato, decorado com os restantes tomates cereja em metades, o grão reservado e umas folhas de hortelã fresca.

Espero que gostem desta receita! Quem já se rendeu à magia do espiralizador? Comentem em baixo!